Bandidos destruíram mil vagas de presídios no RN e Governo decreta calamidade no sistema prisional


Para decretar calamidade nos presidios do Estado do Rio Grande do Norte, o governador Robinson Faria levou em consideração os seguintes pontos:
Motins e rebeliões nos presídios.
 
Destruição de celas com 250 vagas em Parnamirim.
Destruição da Cadeia Pública de Natal, com menos 300 espaços.
 
Destruição de pavilhões no Presídio Estadual de Alcaçuz, com menos 450 vagas.
 
Como 7.700 presos cumprem pena na grande Natal, a destruição de mil vagas fez com que o Ministério da Justiça acatasse a decisão do Governo do Estado.

 

Comentários