A População de Umarizal pede a volta do Agente da Policia Civil Erick Guerra, “O Caçador”.




O movimento pela volta do policial civil, Erick Guerra, “O Caçador”, para Umarizal deverá se intensificar depois do duplo homicídio registrado na noite dessa segunda-feira, 21, na praça Helena Lúcia, em meio aos festados alusivos ao padroeiro do município. Desde sua saída de Umarizal há alguns meses, a população já cobrava nas redes sociais o retorno do agente, um dos principais responsáveis pela chamada “conquista da paz” em Umarizal. 

A cidade era tida como a mais violenta do Rio Grande do Norte e após o trabalho dos agentes de segurança, reforçado pela presença do Caçador, a cidade passou a ser uma das mais pacatas da região. Segundo relatório da Secretaria Estadual de Segurança Pública e Defesa Social (SESED), até antes da noite de ontem, Umarizal havia registrado apenas dois homicídios, uma redação de quase 90% por cento se comparado ao ano anterior, 2014, quando 17 pessoas foram mortas no município. Já na noite de ontem um internauta postou: “Erick Guerra está fazendo uma falta GRANDE por aqui! Ao sairmos de casa, nunca temos a certeza de voltar. 

O que temos que fazer é pedir muita proteção divina”. Erick, O caçador, está atuando agora na cidade de Currais Novos na região Seridó do Rio Grande do Norte. Lá o trabalho do policial, junto as demais forças de segurança da cidade já vem surtindo efeito. Isso porque os índices de criminalidade caíram para quase zero e a cidade já é considerada umas das mais seguras do estado. “A situação hoje em dia a situação é de redução de todas as estatísticas criminais. 

Os homicídios estão em zero. Assaltos estão em zero e os furtos estão bem próximos do zero. Para se ter uma ideia, nas últimas duas semanas não aconteceu nenhuma, e a população está manifestando claramente satisfação com a segurança pública, apoiando a polícia. Hoje dá para se dizer que Currais Novos realmente é uma cidade bem calma atualmente. Graças a Deus”, contou Erick por telefone ao Umarizalense. 

O Câmera

Comentários