Técnicos encerram paralisação e professores mantém greve da UERN


Os técnicos administrativos da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN) decidiram por acatar a proposta do Governo e encerrar a greve nesta terça-feira (20). No entanto, em votação, os docentes da UERN decidiram manter a paralisação e aguardar decisão judicial, que deve sair nesta quarta (21).

Uma audiência de conciliação foi realizada no último dia 16 de outubro, com a presença do juiz Cornélio Alves, representantes da UERN e Governo do Estado para avaliação de propostas.

Desta vez, os professores avaliaram, em assembleia, a proposta enviada pelo Governo do Estado no início do mês, que concede auxílio-material pedagógico para os professores e auxílio-transporte para os técnicos administrativos, ambos no valor nominal correspondente ao percentual de 12,035% do vencimento básico.

Somente após a resposta dos servidores, é que, nesta quarta-feira (21), o desembargador Cornélio Alves anunciará a decisão a respeito do pedido de ilegalidade da greve, feito pelo Governo do Estado.

O movimento grevista já dura 148 dias, o maior da história da Universidade.

VIA PORTAL MOSSORÓ HOE

Comentários

.

.