TSE notifica Temer e Dilma sobre investigação de gráficas da campanha de 2014



O Tribunal Superior Eleitoral notificou o presidente Michel Temer e a ex-presidente Dilma Rousseff sobre um relatório da Polícia Federal que investigou o trabalho de três gráficas prestadoras de serviço à chapa Dilma-Temer nas eleições de 2014.

O conteúdo do documento é sigiloso, mas, segundo o Tribunal, uma força-tarefa analisou informações obtidas a partir da quebra dos sigilos bancários das gráficas VTPB Serviços Gráficos e Mídia Exterior Ltda., Focal Confecção e Comunicação Visual Ltda., Rede Seg Gráfica Eireli. As investigações foram realizadas em 20 locais de três estados: Minas Gerais, São Paulo e Santa Catarina.

Após o recebimento do relatório, o corregedor-geral da Justiça Eleitoral, ministro Herman Benjamin, determinou a oitiva de mais cinco testemunhas. Os depoimentos serão colhidos no dia 8 de fevereiro no Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo.

Comentários