Barra de vídeo

Loading...

sexta-feira, 21 de julho de 2017

MPRN cria Gaeco do Oeste para ampliar atuação do MPRN no combate à criminalidade


Com o objetivo de capilarizar a atuação do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), o Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) criou o Gaeco da Região Oeste. A  unidade, instituída em resolução assinada pelo procurador-geral de Justiça, Eudo Leite, e publicada no Diário Oficial desta quinta-feira (20), terá sede em Mossoró.
"O MPRN está determinado a reforçar a sua contribuição para a defesa do cidadão e da vida no nosso Estado, valores maiores de uma política de segurança pública, além da natural manutenção de um combate firme à corrupção em todos os municípios do RN.  É mais uma iniciativa do MPRN buscando cada vez mais resolutividade", declarou Eudo Leite.

O promotor de Justiça Fábio Melo será o coordenador do Gaeco do Oeste. Ele anteriormente tinha a atribuição de coordenar o  Grupo de Atuação Regional de Defesa do Patrimônio Público (Garpp), com sede também em Mossoró, que foi extinto.

"O Gaeco tem essa feição de incrementar o trabalho desenvolvido pelo extinto Garpp, que se centrava exclusivamente na defesa do patrimônio público. Vamos continuar as investigações nessa área, mas também ampliando a atuação para o combate à criminalidade", destacou Fábio Melo.

Na prática, os casos que estavam atualmente em andamento no Garpp serão transferidos automaticamente para o Gaeco do Oeste, sem prejuízo de continuidade. O novo órgão terá estrutura de pessoal, veículos, equipamentos e espaço físico para um efetivo incremento da atuação do MPRN nas investigações.

O coordenador do Gaeco, o promotor de Justiça Fausto França, reforçou que o projeto de criação do Gaeco do Oeste representa a capilarização da atuação do órgão pela região em questão. "Evitamos a concentração de estrutura e da atuação apenas em Natal ou numa matéria de tipo de organização criminosa. Além disso, prestigiamos o princípio da oportunidade, agilizando as diligências no conjunto de comarcas atendidas pelo Gaeco do Oeste", acrescentou.
    
Área de atuação
A atuação do Gaeco do Oeste compreenderá a área territorial das Promotorias de Justiça de Mossoró, Apodi, Caraúbas, Janduís, Campo Grande, Upanema, Assu, Ipanguaçu, Governador Dix-Sept Rosado, Areia Branca, Baraúnas, Pau dos Ferros, São Miguel, Luís Gomes, Marcelino Vieira, Alexandria, Portalegre, Martins, Umarizal, Almino Afonso e Patu.

A atuação do Gaeco do Oeste obedecerá um planejamento integrado, servindo de apoio tanto ao Gaeco, quanto a esse conjunto de comarcas.

Clique aqui e veja a resolução.

Assessoria


0 comentários:

Postar um comentário