Com salários atrasados, servidores de Uiraúna fazem protesto nas ruas


Servidores municipais protestaram com faixas terça-feira (23) pelas ruas de Uiraúna, no Sertão de Paraíba. A cobrança é pelo pagamento dos salários atrasados e uma maior valorização profissional da categoria de professor.

Segundo informações do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Uiraúna, os salários estão atrasados há dois meses. O Resenha Politika entrou em contato com a Secretaria de Educação do Município, mas não houve retorno da gestão. Sabendo da manifestação o prefeito Bosco Fernandes (PSDB), não quis se pronunciar.

Durante a movimentação que saiu em frente a Igreja Matriz Jesus Maria José, que começou às 8h e encerrou às 10h30 em frente a prefeitura, os manifestantes usaram narizes de palhaço, seguraram cartazes, levaram apitos e bateram em panelas cobrando os salários atrasados.

De acordo com o vereador, Ciro Figueiredo (PSD), os servidores efetivos não recebem salários e os funcionários temporários estão há três meses sem receber. A categoria reivindica também a criação de um calendário de pagamento. Os vereadores de oposição apoiaram o protesto e destacaram a coragem e luta de todos.

O presidente do Sindicato, Edílson Anacleto, disse que é inadmissível o prefeito anunciar um carnaval de rua que será realizado com recursos próprios e não pensar nos salários dos servidores. “O prazo para pagar o mês de dezembro acabou faz tempo e o gestor só fala em festa. Nós não pretendemos mais se reunir com a prefeitura. A gente não aceita mais reunião, queremos o pagamento. Vamos ao Ministério Publico pedir para agilizar a Ação Civil Pública que solicitamos para que a prefeitura seja penalizada pelo atraso”, acrescentou.
 
Assessoria

Comentários