Governo do RN quer autorização para empréstimo de R$ 117 milhões



O governo do Rio Grande do Norte quer um empréstimo de 36 milhões de dólares do Banco Interamerciano de Desenvolvimento (BID), segundo um projeto de lei encaminhado à Assembleia Legislativa. O valor corresponde a cerca de R$ 117,36 milhões na cotação atual do Real em relação ao Dólar. 
 
Por meio de empréstimos como esse, além de capacitação dos estados na área fiscal, o BID tem ajudado os estados brasileiros a desenvolverem a fiscalização e os processos de arrecadação, segundo afirmou o secretário de Tributação do RN, André Horta. 

De acordo com ele, os recursos do empréstimo deverão ser aplicados em projetos ao longo dos próximos cinco anos, na compra de equipamentos, materiais e na formação de servidores. 

"A cada dia os órgãos fiscais precisam modernizar seus sistemas, técnicas, comunicação, inclusive fazer ampliação de espaços de fiscalização, para conseguir se manter arrecadando. Esses recursos vão ser aplicados na SET, na Controladoria e no Planejamento, mas praticamente 80% é para a tributação", considerou. 

De acordo com ele, investimentos do primeiro Profisco foi o que ajudou o estado a registrar o segundo maior crescimento de arrecadação dos estados brasileiros no ano passado. 

Segundo Horta, o projeto de empréstimo já foi aprovado pelo BID, mas precisa de autorização do Poder Legislativo. Mesmo após criação de lei estadual, o empréstimo ainda passará por trâmites a nível federal e dependerá de resolução do Senado. 

A arrecadação de impostos e repasses federais, como o Fundo de Participação dos Estados, foram apontados pelo projeto como garantias para o pagamento do empréstimo. 

G1RN

Comentários